Início Perguntas Frequentes Voltar

Tire suas dúvidas sobre o amianto Crisotila

  • No Brasil, a Crisotila causa câncer?

    Como qualquer outro mineral, a Crisotila é considerada insalubre quando utilizada sem critérios. Ou seja, em ambientes ocupacionais não seguros (na mineração ou na indústria) altas concentrações de fibras do Crisotila suspensas no ar podem atacar os pulmões dos trabalhadores e causar malefícios a saúde. A Crisotila não oferece risco mensurável à saúde humana em níveis de exposição inferiores a 1fibra/ml. Somente nesses locais a quantidade de fibras em suspensão chegariam a quantidades consideradas de risco, além disso somente nesses locais a pessoa (trabalhador) ficaria exposta diariamente a altas concentrações, por um longo período de sua vida, o que geraria possibilidade de doenças.
  • Quais são as quantidades de fibras que podem causar doenças nos trabalhadores?

    A Legislação Brasileira define, como limite de tolerância, 2 fibras/cm3 de ar. Porém, na Mina de Cana Brava, em Minaçu (GO), na maioria dos pontos, as medições registram menos de 0,1 fibra/cm3. Ou seja, 20 vezes menor que o limite legal. Nas fábricas de fibrocimento a maioria dos pontos também possui medições abaixo de 0,1 f/cm³.
  • Existe levantamento sobre o número de trabalhadores que adquiriram doenças pela exposição ao amianto Crisotila?

    Não existem estatísticas confiáveis sobre o número de trabalhadores expostos às fibras do Crisotila que desenvolveram doenças pulmonares no Brasil. No entanto, da mesma forma que podem haver casos não identificados - situação muito difícil face ao acompanhamento da mídia - as projeções realizadas podem estar superestimadas. Há tendência em se atribuir ao Crisotila patologias pulmonares sempre que paciente teve contato com a fibra. Porém, grande número de diagnósticos se mostrou errado ao exame mais apurado.
  • Quem mora em casas cobertas com telhas de amianto está sujeito a adoecer?

    Não. Não há registros de casos de pessoas que tenham contraído qualquer doença, relacionada ao amianto, em razão do uso de telhas ou caixas d?água com amianto. Esses produtos são compostos por amianto - menos de 10% - e cimento e agregados - mais de 90%). Por isso, as fibras não se soltam, não oferecendo riscos à população.

Faça sua Pergunta

Preencha o formulário corretamente